NOTICIAS

1. Cabo ou Wi-Fi: o que é melhor para conectar seu Receptor à Internet

Cabo ou wi-fi: Essa é uma dúvida que muita gente tem, o que usar Cabo ou Wi-Fi em um receptor ou até mesmo em uma Smart TV, veja o texto abaixo e compartilhe!

Ao comprar um Receptor Via satélite os primeiros passos após abrir a caixinha, é verificar se estão todos os acessórios que contém esse equipamento. Normalmente em geral todos os receptores vem com Cabo de energia, antena wi-fi, pilhas e controle remoto. Lembrando que alguns receptores usam o sistema Wi-Fi integrado.

Aqui começa o dilema que nos fará ter que escolher entre a conexão com fio usando um cabo de rede ethernet ou a conexão sem fio usando a tecnologia WiFi. Embora possa parecer uma decisão simples, a verdade é que devemos levar em consideração várias coisas , antes de mais nada.

Os receptores via satélites funcionam com um centralizador multimídia conectado de casa e, para isso, precisam de uma conexão à Internet de qualidade. Esta conexão será fundamental para oferecer um bom desempenho em aplicações como Netflix, HBO, Amazon Prime Video … mas também em qualquer outro serviço conectado que o receptor ou a televisão nos ofereça.

Cabo ou Wi-Fi: Vantagens e desvantagens de conectar o receptor ou a TV por WiFi

Antes de iniciarmos a avaliação dos prós e contras da tecnologia sem fio, devemos conhecer o padrão WiFi com o qual nosso Receptor Via Satélite usa, já a Smart TV , o normal é que tenhamos WiFi 4 ou WiFi 5, estando o novo WiFi 6 reservado para os modelos mais modernos e topo de gama. A velocidade teórica dessas modalidades é de 300 Mbps, 1,3 Gbps e 9,6 Gbps, embora na prática teremos muito menos velocidade.

Velocidade e estabilidade

A velocidade oferecida por uma rede WiFi é tremendamente influenciada por vários fatores . Em primeiro lugar, o citado do padrão WiFi, tanto o que temos no roteador quanto aquele que suporta televisão ou o receptor. Será inútil ter um roteador sem fio de última geração totalmente novo se o equipamento não suportar essa tecnologia.

Outro aspecto que influencia a velocidade que recebemos da rede sem fio reside na localização do roteador. Se estiver muito longe, se houver muitos obstáculos entre eles, como paredes, se houver aparelhos elétricos “poluindo” o espectro de frequência … e assim por diante por uma longa lista de razões que o tornam não o tipo mais estável de conexão no mundo.

As redes WiFi também dependem dos canais WiFi . No caso de estar em uma comunidade com muitos vizinhos, esta conexão pode não funcionar como deveria devido à saturação dos canais. Os roteadores de hoje são capazes de escolher o melhor canal, mas isso nem sempre funciona perfeitamente. cabo ou wi-fi

Segurança

Os padrões mais recentes, como WPA3, oferecem muitas melhorias no nível de segurança, mas já houve casos de vulnerabilidades que permitem que essas redes sejam atacadas. As redes sem fio sofrem com esses problemas e, sem ir mais longe, o estudo publicado em maio de 2021 com o nome de “Fragment and Forge: Breaking Wi-Fi Through Frame Aggregation and Fragmentation” mostra as vulnerabilidades que afetam de WEP a WPA3. cabo ou wi-fi

how-does-wifi-work-1-715x441
cabo ou wi-fi

Conforto

Apesar de tudo isso, o WiFi é muito mais conveniente . Basta verificar se o sinal chega ao dispositivo em questão e proceder à ligação introduzindo a palavra-passe que definimos (ou que definimos por defeito no router). Não há necessidade de conectar sua casa ou descobrir como passar um cabo do roteador para a TV ou em seu receptor. Em alguns casos, devido a problemas de alcance, podemos precisar de um repetidor WiFi para aumentar o sinal, mas esse investimento também será útil para telefones celulares e outros dispositivos portáteis. cabo ou wi-fi

Vantagens e desvantagens de usar o cabo de rede

Agora que sabemos o que ganhamos e perdemos usando uma conexão sem fio WiFi, temos que ver o que um cabo de rede conectado diretamente ao roteador nos oferece. Nesse caso, devemos ter a televisão próxima o suficiente do roteador, optar por ligar a casa com cabo ethernet ou investir em um sistema PLC que faça a conexão de um lado ao outro da nossa casa através do uso da rede elétrica. cabo ou wi-fi

Velocidade e estabilidade

O cabo sempre garante a velocidade máxima que o dispositivo é capaz de “receber” dependendo de sua placa de rede. O grande problema com as Smart TVs é que elas têm portas Fast Ethernet que suportam velocidade máxima de 100 Mbps. Isso significa que, mesmo que tenhamos contratado 300 ou 600 Mbps, a televisão não poderá utilizar mais de 100 Mbps . Felizmente, o Gigabit Ethernet está sendo incorporado nos modelos mais atuais e de ponta para evitar esses tipos de inconvenientes. cabo ou wi-fi

Cabos Ethernet

Além desse problema de velocidade devido ao tipo de portas que os fabricantes escolhem, o cabo é a conexão mais estável, pois não é afetado por tantos fatores quanto o WiFi. Deve-se levar em conta que o alcance máximo dessas ligações é de cerca de 100 metros, algo que não deveria ser inconveniente em uma casa convencional.

Segurança

A segurança de um cabo Ethernet é a máxima possível, pois, a menos que as informações no roteador ou no equipamento sejam “acessadas” enquanto viaja pelo cabo, é (quase) impossível hackear . Se priorizarmos a segurança acima de tudo, o cabo será nosso aliado e deixaremos o WiFi para os casos em que não temos outra opção, como o celular.

Conforto

Se o WiFi fosse o paradigma da conveniência, o cabo pode representar muitos outros desafios . No caso de ter o roteador no mesmo ponto que o aparelho, a conexão por cabo não terá mistério. Porém, se tivermos o roteador em uma sala e o receptor em outra, teremos que optar por outros tipos de soluções que já discutimos brevemente.

Agregação de link ethernet

A primeira seria ligar a casa com cabo de rede, levando de um cômodo para o outro. Isso não é complicado se tivermos algumas noções básicas de facilidades, podendo aproveitar as existentes em casa para a televisão. A segunda opção é usar um PLC colocando um plug na sala onde está o roteador e o outro próximo ao receptor.

No entanto, conectar a TV ou o Receptor Via Satélite a cabo é muito mais rápido do que fazer isso por WiFi. Em geral, basta conectar o cabo e tudo será configurado automaticamente. No caso da conexão sem fio, teremos que procurar a rede WiFi e digitar a senha, um processo tedioso com o controle remoto no caso de ter uma senha longa.

Conclusão, qual escolher?

Lendo tudo o que foi dito acima, minha conclusão é que você deve sempre usar a TV ou o Receptor a cabo quando possível . No entanto, também é verdade que, em certas circunstâncias, o WiFi pode nos oferecer um ótimo desempenho. Se só tivermos cabo disponível e funcionar bem, não faremos nada. Se não tivermos cabo e o WiFi for bom, também não tomaremos nenhuma decisão.

Mas e se eu tiver as duas opções? Bem, o melhor é fazer um teste de velocidade de ambas as tecnologias para verificar seu desempenho. Se a televisão estiver limitada a Fast Ethernet, uma conexão WiFi de qualidade pode ter um desempenho um pouco melhor. Porém, minha recomendação pessoal é que, sempre que houver possibilidade, conectemos a Smart TV ou o Receptor por cabo (aplicável a todos os tipos de dispositivos).

Grato : Azamerica SAT

O90J2i8.jpg?1���¢�¯�¿�½�¯�¿�½source: imgur

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios